International Congress of Conscientiology
1st INTERNATIONAL CONGRESS OF CONSCIENTIOLOGY
Menu

1st International Congress of Conscientiology

IAC - International Academy of Consciousness

Verónica Serrano

foto Veronica Serrano CIC

Verônica Serrano está fazendo doutorado em Ciências Sociais na Universidade de Salamanca, onde concluiu seu mestrado em Tradução e Mediação Intercultural. Além disso realizou estudos em Marketing, Administração de Empresas, Gestão de ONG e Psicologia. Leciona na IAC desde 2001, e deu cursos e palestras em Miami, Los Angeles, Cidade do México, Lisboa, Porto, Madrid, Barcelona, Cali e em várias cidades do Brasil. É fluente em Inglês, Espanhol, Francês e Português. É pesquisadora em Conscienciologia desde 2002 e seus principais temas de pesquisa são: identidade consciencial, mediação interconsciencial e intercultural, assunto do seu doutorado e aplicações práticas do binômio admiração-discordância e do Princípio da Descrença, como contribuições da ciência Conscienciologia para a sociedade de hoje.

Ciências Sociais e Conscienciologia: Paralelos entre Objetos, Métodos, Caminhos e Dificuldades de Consolidação Científica

24/05/2015 | 10:10-10:50

 

Abstract:

This presentation draws a parallel between the case of Social Sciences and the necessary reflection about their methodology, objectives and benefits to society, and the case of the science Conscientiology. Even if Social Sciences are still aligned to the current predominant scientific paradigm, this author considers that there are similarities in relation to the possibilities, questions and limitations to contribute actively to social development and wellbeing. This is why it is important to analyze the antecedents of some of the social disciplines to understand the steps towards consolidating Conscientiology as a science. Preliminary reflections about the requisites that Conscientiology´ researchers need to meet in order to be able to contribute actively to society, from a scientific standpoint and differently than other civil, religious or mystical contributions. In that context, interlocution with other sciences and society are shown to be an urgent, based on the example of the analysis of nonphysical variables manifesting in racism as a social phenomenon.

Sumario:

Este artículo presenta en un paralelo entre el caso de las Ciencias Sociales, las necesarias reflexiones sobre su metodología, función y beneficios para la sociedad, y el caso de la ciencia Concienciología. Aunque las ciencias sociales se mantienen aún más próximas al paradigma científico predominante vigente,  se considera que presentan aspectos similares en cuanto a las posibilidades, cuestionamientos y limitaciones para contribuir activamente al desarrollo y bienestar social. La autora resalta la importancia de analizar la trayectoria de algunas de estas disciplinas científicas sociales para comprender el camino de consolidación científica de la Concienciología. Presenta reflexiones preliminares para que los investigadores de la Concienciología puedan aportar activamente a la sociedad, desde un punto de vista científico, en contraste con otras participaciones asistenciales civiles, religiosas o místicas. En ese contexto, la interlocución con otras ciencias y con la sociedad se presenta como necesaria y urgente, a partir del ejemplo del análisis de las variables no físicas que se manifiestan en el racismo como  fenómeno social.

Resumo:

Neste artigo a autora traça um paralelo entre o caso das Ciências Sociais, a reflexão necessária sobre sua metodologia, função e benefícios para a sociedade, e o caso da ciência Conscienciologia. Embora as Ciências Sociais ainda estejam mais alinhadas com o paradigma científico vigente, considera-se que há semelhanças em relação às possibilidades, questionamentos e limitações para contribuir ativamente para o desenvolvimento e bem-estar social. A autora ressalta a importância de analisar as trajetórias de algumas das disciplinas sociais para entender o caminho da consolidação científica da Conscienciologia. Apresenta reflexões preliminares para que os pesquisadores da Conscienciologia possam contribuir ativamente para a sociedade, a partir de um ponto de vista científico, em contraste com outras participações assistenciais civis, religiosas ou místicas. Nesse contexto, se apresenta como necessária e urgente a interlocução com outras ciências e com a sociedade, a partir do exemplo da análise das variáveis não físicas que se manifestam no racismo como fenómenos sociais.