International Congress of Conscientiology
1st INTERNATIONAL CONGRESS OF CONSCIENTIOLOGY
Menu

1st International Congress of Conscientiology

IAC - International Academy of Consciousness

Mendo Henriques e Nazaré Barros

Mendo_e_Nazare

Mendo Henriques é Professor Auxiliar Convidado da Faculdade de Ciências Humanas da Universidade Católica Portuguesa (UCP) e Membro da Direção do Centro de Estudos de Filosofia, onde coordena a Linha de Investigação «Filosofia Política e Ética». É licenciado e mestre em Filosofia pela Universidade de Lisboa e doutorado em Filosofia Política pela UCP (1992). Tem 12 títulos publicados em Portugal, Brasil e França além de cerca de 110 artigos. Tem proferido numerosas conferências no país e no estrangeiro sobre temas da especialidade. Na área de Filosofia tem-se destacado pelas suas obras e atividades no âmbito da Filosofia da Consciência, Filosofia Social e Política, além de investigação em Cidadania e Defesa.

 

Nazaré Barros é Mestre em Administração e Organização Escolar pela Faculdade de Ciências de Lisboa (2009). Nasceu em Lisboa (1963) licenciou-se em Filosofia na UCP (1986) e é autora de manuais escolares, bem como de obras de iniciação a Antero de Quental, Immanuel Kant, John Locke, René Descartes, Platão, S. Anselmo e S. Agostinho. É conferencista sobre temas de violência e vida escolar. Tem ocupado cargos em órgãos de gestão e direção entre 2003 e 2012.

Filosofia da Consciência: Estratégia Pedagógica e Relevância para a Época Atual de Crise

22/05/2015 | 10:20-11:00

 

Abstract:

This presentation will highlight the importance of philosophy as an intellectual exercise about knowledge of objects and also as an existential exercise of recognition between subjects, and it will provide a sequence and original approach to the study of philosophy of consciousness. The urgency of philosophical thinking emerges from life and relates to it, in every idea, thesis and argument, and in each of the aporias, ignorance and mysteries it touches. Since life surprise us and make us restless, philosophy attempts to use coherent and reasoned integrative reflection, weaving aspects that integrate the understanding that aims at universality and the individual and irreplaceable pulse, which is alive and made restless by the other. An initiation to the themes of philosophy can lead to greater self-knowledge and to a philosophy applied to the themes of the present crisis, aiding the search for new personal and collective paths. search for a new personal and collective path.

Sumario:

Esta presentación pretende realzar la importancia de la filosofía como ejercicio intelectual de conocimiento de objetos y también como ejercicio existencial de reconocimiento entre sujetos, y presentar una secuencia y abordaje original para el estudio de la filosofía de la conciencia. La urgencia del pensar filosófico, emerge de la vida y se relaciona con ella, en cada idea, tesis y argumento, y en cada una de las paradojas, ignorancias y misterios que toca. Porque la vida nos sorprende e inquieta, la filosofía intenta la reflexión integradora, coherente y fundamentada, tendiendo lazos que integren la comprensión que anhela la universalidad y la pulsación individual e insustituible de quien está vivo y es perturbado por el otro. Una iniciación a los temas de la filosofía puede llevar a un mayor autoconocimiento y a una filosofía aplicada a los temas de la crisis de la época presente en busca de nuevos caminos personales y colectivos.

Resumo:

Esta palestra pretende realçar a importância da filosofia como exercício intelectual de conhecimento de objetos e também como exercício existencial de reconhecimento entre sujeitos e apresentar uma sequência e abordagem original para o estudo da filosofia da consciência. A urgência do pensar filosófico emerge da vida e relaciona-se com ela, em cada idéia, tese e argumento, e em cada uma das aporias, ignorâncias e mistérios em que toca. Porque a vida nos surpreende e inquieta, a filosofia tenta a reflexão integradora, coerente e fundamentada, tecendo laços que integram a compreensão que almeja a universalidade e a pulsação individual e insubstituível quem está vivo e é desinquietado pelo outro. Uma iniciação aos temas da filosofia pode levar a um maior auto-conhecimento e a uma filosofia aplicada aos temas da crise da época presente em busca de novos caminhos pessoais e coletivos.